Vacinação Covid-19: grupos prioritários em Viseu com transporte assegurado

02/02/2021 15:24

O programa municipal Viseu Ajuda vai garantir o transporte de cidadãos viseenses que, no âmbito do Plano Nacional de Vacinação contra a COVID-19, sejam notificados para receber a vacina. O processo de vacinação, que se inicia nos próximos dias, decorrerá no Pavilhão Multiusos e irá abranger Grupos Prioritários da População.

“Face à dimensão do Concelho, com 507 km2, a existência de 25 Freguesias e o grupo a que se destina esta fase inicial, sobretudo de pessoas mais idosas, estamos a implementar este serviço de apoio que visa criar condições para o transporte daqueles que não o possam fazer por meios próprios”, explica António Almeida Henriques, Presidente da Câmara Municipal de Viseu. Recorde-se que, nesta fase, e segundo os critérios do Plano Nacional de Vacinação, deverão ser inoculadas pessoas com mais de 80 anos, seguidas de indivíduos com mais de 55 anos que sofram de patologias definidas pela Autoridade criada para o efeito.

O processo de vacinação no concelho de Viseu, da responsabilidade do ACES Viseu Dão Lafões, decorre no Pavilhão Multiusos, onde se encontra também a 2ª estrutura de retaguarda instalada pela autarquia. O local foi escolhido pela sua centralidade, condições criadas e facilidade de estacionamento e transporte. A complexa operação começa com os utentes da USF Lusitana, unidade que regista um número considerável de utentes entre os grupos prioritários e de freguesias rurais.

“Tendo em conta todas as condicionantes, de imediato percebemos que é fundamental assegurar o transporte a quem não tenha condições para o fazer. Para isso, iremos utilizar os diferentes meios ao nosso dispor, como veículos dos Bombeiros e IPSS’s, entre outros, sempre em articulação com as Juntas de Freguesia”, afirma Almeida Henriques. Assim, quem for notificado para receber a vacinação e necessitar de transporte se locomover para o local, só terá de ligar para a linha Viseu Ajuda, através do número 800 210 098, ou solicitar ajuda à respetiva Junta de Freguesia, logo que receba o alerta, para permitir organizar o transporte.

Só devem dirigir-se ao Centro de Vacinação do Pavilhão Multiusos as pessoas que forem notificadas para o efeito. Entretanto, a vacinação nas unidades residenciais (lares) de Viseu está ainda em curso.  Foram administradas 2221 doses em 27 instituições, tendo ficado para uma fase posterior os casos onde existiam surtos ativos.  A partir de 8 de fevereiro deverá iniciar-se a próxima fase, com a administração da segunda dose da vacina nas 27 instituições referidas.

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *