Produção de ‘Velocidade Furiosa’ já começou a testar estradas de Castro Daire

29/06/2022 19:13

A equipa de produção do décimo filme da saga ‘Velocidade Furiosa’ já se instalou no concelho de Castro Daire, para testar as estradas que farão parte da rodagem da fita.

O Presidente da Câmara Municipal local, Paulo Almeida, perspetiva já o impacto que esta produção terá no concelho: «Evidentemente que só o facto de Castro Daire ter sido escolhido para um dos cenários desta grande saga cinematográfica é só por si um motivo de grande orgulho e de reconhecimento daquele que é o potencial do nosso território. Paralelamente àquilo que é este envolvimento de uma produção desta dimensão, traz também um impacto muito direto àquilo que é a economia local, uma vez que há espaços arrendados pela produção, hotelaria, restauração de toda esta região. E tem este impacto muito direto naquilo que é economia local», afirma o autarca.

Ainda assim, o edil refere que o verdadeiro impacto só se comprovará depois de o filme sair: «Acima de tudo, aquilo que é a grande expectativa destas gravações, passa por aquilo que será o impacto pós-estreia deste filme, porque, aí sim, iremos ter o nosso concelho e esta região nas bocas do mundo».

Apesar de as filmagens oficiais estarem marcadas apenas para os dias 14 e 15 de julho, estes testes que estão a decorrer durante o dia de hoje e de amanhã, quinta-feira, 30, levarão já ao corte total da A24, entre o Nó 5 – Carvalhal até ao Nó 7, em Castro Daire Norte. 

A Centro Portugal Film Commission adiantou, também, em comunicado, que entre os dias 22 e 26 de julho, aquela autoestrada estará cortada durante todo o dia e noite, no sentido Norte/Sul, entre o nó 11 (Peso da Régua), e o nó 12 (Nogueira).

De 6 a 8 de julho e, entre 11 a 13 de julho, também no mesmo horário, das 06 às 22 horas, haverá corte de estrada entre o nó 15 (Vilarinho da Samardã) até ao nó 16 (Vila Pouca de Aguiar). Entre 14 e 15 de julho, o corte será entre o nó 05 (Carvalhal) e o nó 07 (Castro Daire Norte) e em 18 de Julho entre o nó 09 (Moimenta da Beira e Lamego) até ao nó 10 (Armamar e Valdigem).

No dia 19, 20 e 21 o troço abrangido pelo corte de trânsito entre as 06 e as 22 horas será o que fica entre o nó 15 (Vilarinho da Samardã) e o nó 16 (Vila Pouca de Aguiar).

De 22 a 26 de julho, no mesmo horário, o corte em ambos os sentidos será feito entre o nó 11 (Peso da Régua) e o nó 12 (Nogueira), conclui a Portugal Centro Film Comission.

As câmaras de Lamego e de Castro Daire já pediram a compreensão dos residentes e utentes da A24 pelos condicionamentos à sua mobilidade, frisando tratar-se de uma «oportunidade única» de divulgação daquela zona do país.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *