Mais de 60 polícias pré-aposentados regressam para ações de fiscalização

11/02/2021 18:00

O diretor nacional da PSP, Magina da Silva, anunciou, esta quinta-feira, que mais de 60 policias pré-aposentados iram regressar ao ativo por todo o país, para ajudar na fiscalização das regras e no comprimento das restrições impostas.

Os agentes voluntários que regressaram ao efetivo e serviço operacional estão a fazer “exclusivamente trabalho operacional de rua “com “os mesmos direitos e deveres que os polícias que estão na situação de ativo”, referiu o o diretor nacional.

Magina da Silva explicou também, que a possibilidade de chamar profissionais pré-aposentados já tinha sido colocada no início da pandemia, em março de 2020.
Atualmente, “com o agravar da pandemia, que também afetou muitos polícias e continua a afetar”, houve necessidade de mobilizar os polícias que se encontram em pré-reforma.

“Felizmente os níveis na Polícia de Segurança Pública estão a baixar sustentadamente. Aliado ao processo de vacinação que se vai iniciar ainda esta semana, não projeto como necessário proceder à mobilização de mais pessoal em situação de pré-aposentação”, afirmou.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *