Liga Pro:«Bês» encarnados provocam partida de carnaval ao Académico

23/02/2020 14:14

Com um golo sobre os 90′, na sequência da conversão de uma grande penalidade, o Benfica B impôs um empate a uma bola ao Académico de Viseu. Viseenses foram a equipa mais perigosa durante todo o encontro.

Em domingo de carnaval, as duas equipas pretendiam dar seguimento aos triunfos que alcançaram nos respetivos encontros da última jornada da Liga Pro.

Antes do apito inicial, e como se verifica este fim-de-semana em todos os jogos da Liga NOS e Liga Pro, as formações uniram-se na mensagem contra o racismo, a xenofobia, a violência e a intolerância.

Já com a bola a rolar, o Académico foi a primeira equipa a criar perigo. Decorria o minuto 17 quando João Mário respondeu com um cabeceamento a cruzamento de Luisinho mas Svilar negou o golo ao guineense.

Após uma primeira meia hora de um jogo muito dividido, o Académico colocou-se em vantagem aos 34 minutos. Grande visão de Fernando Ferreira, a colocar o esférico nas costas da defesa encarnada, onde apareceu Luisinho na cara de Svilar, a atirar para o primeiro da manhã.

O golo do extremo dos academistas, fazia a diferença em tempo de intervalo.

Já na etapa complementar (50’), Fernando Ferreira voltou a abrir o livro, com um passe a desmarcar João Mário, mas o avançado da turma academista não conseguiu bater Svilar.

As águias só conseguiram responder aos 58 minutos, e logo com uma bola ao poste, na sequência de um cabeceamento de João Ferreira.

Aos 62, o Académico de Viseu voltou a ameaçar, mas João Mário e Jean Patric não chegaram a tempo do desvio final.

Quando tudo fazia prever o triunfo academista, o Benfica B dispôs de uma grande penalidade aos 90 minutos, porque no entender do árbitro, João Pica corta o esférico com o braço em plena grande área. Daniel dos Santos não tremeu perante Janota, e apontou o golo da igualdade.

Divisão de pontos no final dos 90 minutos, a castigar a turma academista que foi a mais produtiva durante todo o encontro.

 

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *