Covid-19: Portugal regista novo máximo diário com 167 mortes

18/01/2021 15:35

Portugal somou mais 6.702 infetados com o novo coronavírus e 167 mortes relacionadas com a Covid-19, o maior número de sempre ao superar os 166 registados no sábado, indica o boletim epidemiológico divulgado esta segunda-feira pela Direção-Geral de Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, o país acumula 556.503 infetados pelo SARS-CoV-2 e 9.028 óbitos associados à Covid-19.

O número de novos casos esta segunda-feira cai significativamente, depois de vários dias acima dos 10 mil, incluindo no fim de semana. No entanto, sabe-se que os dados são genericamente mais baixos à segunda-feira devido aos constrangimentos dos laboratórios ao sábado e ao domingo.

O boletim desta segunda-feira indica que, nas últimas 24 horas, 4. 660 pessoas recuperaram da doença. Assim, considerando os novos casos e os que se curaram no último dia, o saldo de casos ativos de Covid-19 no país aumenta para 1.875, situando-se agora nos 135.886.

Além do número do elevado número de óbitos, o dado mais preocupante é o número de internamentos que não para de aumentar. Em 24 horas, foram internadas com Covid-19 em Portugal 276 pessoas. No total, estão hospitalizadas 5.165 doentes. Destes 664 estão em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), mais 17 em relação a ontem.

Por regiões, Lisboa e Vale do Tejo regista o maior número de mortes (70) e maior número de contágios (2.643). Logo de seguida surge o Norte com 2.109 diagnósticos positivos para o SARS-CoV-2 e 42 mortes. O Centro somou mais 1.217 infetados e 38 óbitos por Covid-19. O Alentejo reportou 258 casos em 24 horas e 14 óbitos e no Algarve registaram-se 239 infetados e três mortes.

Nas regiões autónomas, onde não ocorreu qualquer morte devido à Covid-19, os Açores somaram mais 99 contágios e a Madeira 137.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *